Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Bom, o Mau e a Vilã

Sem censura, politicamente correcto ou interesses instalados

O Bom, o Mau e a Vilã

Sem censura, politicamente correcto ou interesses instalados

24
Fev18

"Absentia" - Ausência de Qualidade

A Vilã

abs_marquee_1600x900_0_0.jpg

 

   "Absentia" era uma das séries que tinha em stand by na minha box. Estreou com grande pompa e circunstância em todos os canais AXN. A premissa pareceu-me interessante o suficiente para despertar a minha curiosidade. Uma agente do FBI desaparece ao perseguir um serial killer e é dada como morta mas reaparece após 6 anos, presa numa cabana no meio do bosque e sem memória do que lhe aconteceu. A partir daqui é a própria agente que vai tentar desvendar o mistério do seu desaparecimento, ao mesmo tempo que tenta recuperar a família e provar que não está envolvida numa série de crimes nos quais parece estar implicada.

   Através de inúmeros flashbacks, vamos percebendo que durante os anos que esteve desaparecida, a agente esteve presa numa câmara com água, num sistema de tortura por afogamento, criado por uma qualquer mente doentia.

   O meu interesse manteve-se apenas até ao 3º episódio e a partir daí foi sempre a descer. São tantos os lugares comuns, as situações inverosímeis, as incongruências no argumento que se torna penoso. Não fosse a minha mania de ver as séries até ao fim e teria desistido a meio. O último episódio foi mesmo um sacrifício, do género "mas isto nunca mais acaba!".

   É suposto ser credível que uma pessoa que esteve presa durante 6 anos num tanque com água esteja num estado físico e psicológico capaz de recuperar de um dia para o outro e pronta para perseguir o suposto serial killer? É suposto ser credível que alguém neste estado resista a uma operação sem anestesia feita por um irmão/médico e fique pronta para a acção como se nada fosse? Já para não falar que a senhora, apesar de estar permanentemente em fuga, apresenta sempre uma manicure e maquilhagem impecáveis. Parece que podemos deixar tudo para trás menos o rimel.

   E se a história consegue ser bastante má, os actores não lhe ficam atrás. Stana Katic, no papel da agente do FBI é a menos má mas todo o restante elenco é verdadeiramente mau. Aqui o óscar vai mesmo para Patrick Heusinger, no papel do marido. A expressão é sempre a mesma, é doloroso de ver. E o suposto sotaque de Boston? Se queriam uma boa lição deviam ter visto algumas temporadas de "Ray Donovan", podiam ter aprendido qualquer coisa.

Abstentia_Thumb3.jpg

   Alguém devia explicar aos criadores da série Matthew Cirulnick e Gaia Violo, que não basta empilhar twists para tornar um argumento interessante. Fazer sentido, ter coerência também tem a sua importância. 

   Esta é uma série que não acrescenta nada à temática dos serial killers e o que tem de melhor é o trailer. Tanta série para ver e fui perder o meu tempo com isto. E parece que já está assegurada uma 2ª temporada na Amazon. Sei bem quem não a vai ver.

 

                                  O BOM - o trailer

                                  O MAU - as incongruências no argumento, a representação, Patrick Heusinger

                                  VEREDITO - não vale o tempo perdido

 

 

                                                                       

 

4 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

A Ler

Comentários recentes

  • HD

  • A Vilã

    Também achei!

  • HD

    Muito engraçado e bem conseguido :-)

  • A Vilã

    É verdade, fica aquela sensação de que quem vê não...

  • Triptofano!

    É realmente das piores coisas que pode acontecer, ...

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D